“POMPOAR MASCULINO”

EXERCÍCIOS PARA : FORTALECER A EREÇÃO, CONTROLAR A EJACULAÇÃO, PROLONGAR A DURAÇÃO DO ATO SEXUAL, AUMENTAR SEU PRAZER, EXPERIMENTAR ORGASMOS MÚLTIPLOS.

Estes exercícios ajudarão a trazer mais consciência, vida e energia para seus órgãos sexuais, e com maior consciência, você saberá exatamente quando parar de se estimular, antes daquele ponto sem retorno. veja também curso de pompoarismo 

Isto é a chave para os prazeres ilimitados. Uma nova dimensão espera por você.

Seja paciente e gentil com você mesmo, alguns exercícios podem ser combinados com outras atividades diárias, como; dirigir, no escritório, assistindo TV, e é claro, quando você faz amor.

Em primeiro lugar, vamos preparar o corpo para poder receber estes prazeres.

Faça isso todo dia, pelos próximos trinta dias e você verá resultados fantásticos.

Os primeiros dois passos são:

A respiração

O exercício de alguns músculos

Você já notou sua respiração enquanto está muito excitado? Você respira pela boca e enche o peito de ar, criando tensões desnecessárias ao seu corpo.

A respiração natural é o primeiro segredo para expandir e prolongar seu prazer sexual.

É a chave para gerar altos níveis de excitação, conter essa energia no corpo e relaxar.

A respiração natural e consciente ajuda você a ficar mais presente, prolongando seu prazer sexual, expandindo toda a carga erótica pelo seu corpo, e desta maneira você poderá ter mais e mais prazer.

Escolha um lugar tranqüilo, calmo, onde ninguém o perturbe. Vista roupas bem confortáveis, ou fique nu como você se sentir melhor.

Sente-se confortável, com a coluna reta, e simplesmente comece a notar sua respiração, sem querer mudar nada, veja se é profunda ou rasa, se você respira no peito ou na barriga, se é rápida ou lenta. A respiração é a nossa mais íntima conexão com a vida.

Agora inspire profundamente pelo nariz, relaxe os músculos abdominais, e enquanto você inala, deixe que seu abdômen se expanda. Agora exale, soltando o ar pelo nariz.

Fique consciente do intervalo natural entre inalar e exalar

Isso, repita, inale e deixe seu abdômen se expandir, enquanto você enche seu pulmão de ar, agora exale, continue respirando, inale e exale, sinta o ar entrar e sair.

Esta é a respiração natural. E através da respiração natural seu corpo se torna mais saudável e sensível para o prazer.

Agora vamos para o segundo passo: exercitando alguns músculos.

Você sabia que tem em seu corpo alguns músculos que usados devidamente, pode aumentar sua excitação, manter sua ereção mais forte e por mais tempo, controlar sua ejaculação e prolongar seu prazer?

Mas simplesmente saber desses músculos não é o suficiente, temos que exercitá-los.

Estes músculos são chamados de pubocoxígeno e músculos do esfíncter anal.

Vamos começar com o primeiro, o pubocoxígeno. Onde está ele?

Músculo pubocoxígeno é aquele músculo situado no períneo (região entre o órgão genital e o ânus) que entra em ação quando interrompemos o fluxo da urina.

Para você poder localizá-lo e familiarizar-se com ele, quando você for urinar, interrompa o fluxo algumas vezes, você vai saber exatamente qual é e onde ele está.(coloque a mão para senti-lo)

Depois que você localizou este músculo, vamos iniciar os exercícios.

Primeiro exercício:Toda vez que você for urinar, interrompa o fluxo da urina por varias vezes, você pode começar este exercício pela manhã, quando acorda naturalmente com a bexiga cheia.

Segundo exercício: Sente-se confortavelmente com a coluna reta, comece a contrair o músculo pubocoxígeno (MPC) em rápidas e curtas contrações (10 a 30 vezes), coloque toda a atenção nesta área, até se sentir bem com isso, você sentirá seu pênis se mover enquanto contrai o MPC.

Agora vamos fazer isto junto com a respiração Enquanto você inala, contraia o MPC, segure (conte até seis) exale, solte e relaxe o MPC, lembre-se relaxar este músculo é tão importante quanto contraí-lo. (faça isto de 30 a 100 vezes). Sinta se existe alguma sensação na sua área genital.

No começo deste exercício é normal que você contraia a barriga e o músculo anal.Com a prática você vai conseguir isolar e exercitar somente o MPC.

Ok, vamos agora para o último exercício do MPC, para este exercício você deve estar despido e em pé diante do espelho.

Comece contraindo e relaxando o MPC, faça isso por 20 a 50 vezes, olhe seu pênis se movendo, pra cima e pra baixo, olhe os movimentos, assim, a medida que os músculos ficam mais fortes, os movimentos serão mais vigorosos.

Estes são os três exercícios do MPC.

Os benefícios de um MPC fortalecido são; melhora no seu desempenho sexual aumentando a sensibilidade, melhora na duração e no poder do orgasmo, e com o tempo e prática conseguir conter a ejaculação.

Agora vamos começar a trabalhar outros músculos; os músculos do esfíncter anal.

Primeiro exercício: contração anal.

Sente-se em uma posição confortável pra você, comece a tomar consciência de sua região anal, coloque o foco de sua atenção exatamente no ânus.

A tendência natural é contrairmos as nádegas, a barriga e as coxas. A única contração necessária e a do ânus, o resto do corpo fica totalmente relaxado.

Para você poder identificar este músculo, lembre-se de alguma vez em que você teve dor de barriga e teve que segurar, pois é exatamente este músculo.

Contraia e solte, note se você esta contraindo outros músculos, mantenha sua barriga relaxada, continue contraindo e soltando até você poder identificar bem este músculo.

Muito bem, agora inale e contraia o músculo anal, segure assim pelo tempo que for confortável para você.

Exale e relaxe o ânus. Relaxe seu corpo e sinta as sensações que isto provoca; sensações de calor, frio, formigamento são sinais de que o músculo esta trabalhando.

Faça este exercício por pelo menos 30 dias, começando com 25 repetições, aumentando gradualmente para 50 repetições, três vezes ao dia.

Lembre-se, isto requer prática, não se desencoraje, com o tempo você vai fazer este exercício perfeitamente.

No começo talvez você não consiga contrair e segurar por muito tempo, não se preocupe, pratique.

Este exercício tem benefício direto sobre a próstata, que controla a ejaculação, fazendo com que a ereção tenha muito mais vigor e libera você de tensões na área genital, que geralmente bloqueiam o fluxo de energia sexual.

As contrações do músculo anal com certeza vão aumentar sua excitação sexual, use isso enquanto você faz amor.

Segundo exercício: Movimentando a pélvis.

O propósito deste exercício é aprender o movimento correto da pélvis, combinado com a respiração natural.

Estes movimentos são essenciais para o ato sexual. Muitas pessoas não conseguem isolar e mover a pélvis.

Este método é muito simples e eficiente.

Deite-se de costas em uma superfície firme.

Dobre seus joelhos, até que seu calcanhar fique debaixo dos joelhos, mantenha a sola do pé totalmente apoiada nesta superfície.

O espaço entre os joelhos deve ter a largura de seus quadris.

Deixe suas mãos apoiadas ao lado de seu corpo.

Exale e levante sua pélvis, fazendo um arco com as costas, e quando inalar, volte a posição anterior.

Repita este movimento de 3 a 5 minutos, todo dia.

Deixe a parte superior do seu corpo totalmente relaxada, e faça os movimentos como se fossem ondas em sua espinha.

Estes movimentos soltam seu corpo, e ajudam a despertar o movimento natural do orgasmo.

Depois que você estiver familiarizado e com prática deste movimento, acrescente mais intensidade, fazendo junto contrações dos músculos que você exercitou antes; O músculo anal e o MPC (músculo pubocoxígeno).

Quando exalar, levante a pélvis contraindo o músculo anal e o pubocoxígeno, inale, relaxe os músculos e volte a posição anterior.

Outra variação deste exercício é fazê-lo de pé; abra suas pernas até que seus pés fiquem na largura dos ombros, dobre um pouco seus joelhos e faça os mesmos movimentos do exercício anterior.

Terceiro exercício: respiração, contração anal, do MPC , ponto de pressão da próstata, que fica localizado no períneo (ver figura) e conexão com o chakra do coração.

Massagear o períneo freqüentemente é ótimo para dores e desconforto nos testículos, especialmente depois de ter prolongado por muito tempo a masturbação ou o ato sexual, aliviando as tensões acumuladas nesta área.

O ponto da próstata fica exatamente no meio do caminho entre o ânus e os testículos, e é importante que você aprenda através de sua própria experiência qual é a pressão certa a ser aplicada neste ponto tão logo você sinta que a ejaculação está para acontecer, ou seja, um pouco antes do ponto sem retorno. Você pode usar esta técnica também quando estiver em uma relação sexual.

Neste exercício você estará praticando basicamente o controle da ejaculação, aprendendo a retardá-la e manter seu nível de excitação, mas lembre-se isso tem que ser feito um pouco antes que a ejaculação comece, porque uma vez começada, esta técnica não fará efeito.

Reserve um tempo só para isso, escolha um lugar que você se sinta confortável e que ninguém o incomode.

Comece a masturbar-se e estimular-se do seu jeito, como você costuma fazer.

Vá até aquele ponto um pouco antes do orgasmo e pare com toda a estimulação. Inale devagar e profundamente pelo nariz, retenha o ar (pelo tempo que for confortável para você). Simultaneamente contraia o músculo anal, o MPC e coloque seus dedos (três dedos do meio) no ponto de pressão da próstata e faça uma pressão firme. (segure assim até você exalar)

Exale, retire os dedos, solte os músculos e relaxe. Coloque sua mão direita sobre os genitais e a esquerda sobre seu coração e imagine, dirija e sinta essa energia do seu centro sexual movendo-se para cima, em direção ao seu coração.

Espere por alguns momentos, simplesmente sentindo as sensações.

Comece a se estimular novamente e repita os passos acima, faça isso várias vezes.(faça no mínimo quatro vezes, e no máximo o quanto você achar confortável e prazeroso).

Atenção: se você tem problemas na próstata, não aplique a pressão do períneo. A retenção de ar também e contra indicada para pessoas que tenham problemas cardíacos, úlceras e problemas de pulmão.

Se depois de tudo isso você quiser ter um orgasmo, ok, mas dirija-o do seu centro sexual para cima

Como fazer uma pagina de captura para seu negócio de Marketing Multinível

Conhecendo o poder das anversos de capturas:

Quando, se vai advir em um negócio de Marketing de Múltinível é consueto que se pense que para se ter façanha neste tipo de processo somente é preciso resgatar a taxa de conexão e se fazer o corrosão para se manter ligeiro mas não é bem por ai. aderir com MMN é um assunto que para se ter acerto requer dedicação e mormente empenho por parte do profissionalExiste, muitas ferramentas que se pode usar para alcançar pessoas e para se trocar por exemplo pode-se realizar o uso de partidarismo boca a boca por protótipo para oferecer determinado desfecho a pessoa ou pessoalmente usar um meio que é imensamente eficiente que consiste no uso de anversos de capturas ou seja sites para estar captando ávidos praticamente de forma automáticaComo. construir uma pagina de captura?Uma vez contratado, a hospedagem e feito o teor de domínio de sua anverso de captura basta incontinenti que você faça um template use do máximo capaz para chamar a resguardo das pessoas fatos jornalísticos, manchetes, vídeos falando de meio motivadora sobre a jornada, dados do mercado que a jornada tudo isto de toque extremamente apelativa.

Quando se incorpora, uma pagina de apreensão deve-se criar uma manchete isto é um diploma onde o visitante bata o olho e já tenha interesse total e geral em saber mais a consideração de determinado negocio ou bem de determinada empresa que esta ofertando esta oportunidade de história para as pessoas.

Fazendo a exposição de sua pagina de capturaUma: vez, criado sua anverso de captura então faça a proclamação da mesma comprando perímetros publicitários em sites de vantagem extra e no emissário Facebook que também abre perímetro para as empresas de MMN fazerem a sua divulgação em sua rede público a grande tacada e arriscar em anúncios que despertem o interesse das povo no negócio que está formando apresentado ao mesmo. O enorme segredo de uma boa partidarismo é usar das surpresas das ´pessoas para estarem ganhando assim primeiro o compaixão do cliente e emseguida a mente e por fim o proeminência do mesmo.

6 vantagens de trocar a mala de rodinha pela mochila nas férias

Na decisão de levar mala de facção ou mochila na próxima viagem é importante supor o destino, a perdurabilidade da estadia e sua expressividade de carregar peso. Nesse cenário, as mochilas cargueiras e as comuns vêm formando cada vez mais procuradas. Isso pela praticidade, cinesia entre outras coisas.

1. Em certo Terreno
Uma das principais proveitos no uso de uma bornal cargueira é a probabilidade de locomoção em cada terreno – o que comporta que você a carregue sempre que necessário. Já ruminou ter que caminhar na orla, por exemplo, para atingir em uma ilha, com uma mala de rodinhas?
2. Conforto
A primeira sinal ao ver alguém com uma bornal durante uma viagem é ânsia. Mas isso não é cânono. Acontece que as mochilas, com auxílio da conhecimento e muita pesquisa, hoje possuem várias ferramentas e convênios para cada tipo de textura que garantem um super conforto e permitem que você a carregue por horas. nessasequência, muitas mochilas do demanda promovem mais comodidade do que remover uma mala por assustadoramente tempo. Além disso, com o posição adequado, o peso da bornal fica bem distribuído nas espaldar e ombro.

3. critério Corporal
A facilidade em eletrizar uma mochila cargueira nas dorso, seja de 30l ou 70l, é bem emgrausuperior do que uma mala com os próprios pesos. Como mencionado atrás, o peso da bornal cargueira fica bem vulgarizado nas costas e ombros, permitindo maior equilíbrio além do consolação.

4. Adeus Risco de ExtravioSeguindo a regra do salvo é mais, quem consegue viajar somente com uma bornal pequena e que cabe ajuntado do avião, sai inexplorado. Não obstante o consolação de ter suas objetos ao alcance durante toda a expedição, não tem que ajustar-se esperando sua bagagem na vertente e não corre o periculosidade de ter a pessoalmente extraviada. Ufa!
5. aglomeração de Sujeira
É muito sóbrio: uma mala de facções, que fica em pacto direto com o chão o permanência inteiro, suja bem mais do que uma bornal que fica pendura nas dorso.

6. Mãos Livres

Ter as mãos isentos dependendo da situação (e do país)) pode ser imprescindível. Por regulamento comer e andar ao bem tempo para não depravar o horário daquele expedição legal.

As mochilas são de fato mais usos e fáceis de arcar. No entanto, se você desfruta problemas na coluna ou é bastante desorganizado, não tenho tibiez em optar pela mala de igrejinha.